Sou mais um entre tantos...

Sou mais um entre tantos...
#FocoForçaeFé
A FILOSOFIA E A MISSÃO DESTE BLOG INCLUI A DIFUSÃO DA CULTURA E A UTILIDADE PÚBLICA.

"Cada pessoa, por si só, promove a sua indispensável transformação interna, transmutando o pesado chumbo do seu emocional, no ouro reluzente da Evolução Mental."

"Considere como é difícil modificar a si mesmo e você entenderá quão pouca chance tem ao tentar modificar outras pessoas." - Jacob M. Braude

"Seja em você a mudança que quer para o mundo" - Ghandi´

Aos preconceituosos e aos piadistas, sugiro que olhem para si mesmos antes de julgarem os outros... Quem aponta um dedo para alguém, aponta três para si mesmo.


Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade
Fé Esperança Caridade - Virtudes chamadas teologais porque têm a Deus por objeto de modo imediato. Pela fé nós aderimos ao que Ele revelou; pela esperança tendemos a Deus apoiando-nos em seu socorro para chegar a possuí-Lo um dia e vê-Lo face a face; pela caridade amamos a Deus sobrenaturalmente mais do que a nós mesmos. A minha Fé não é achar que Deus fará o que eu quero, mas basea-se na certeza de que Ele fará por mim tudo o que preciso.

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Verbete Wikipédia

Verbete Wikipédia
Verbete Wikipédia

O BRASÃO

O BRASÃO
Visite o blog do Barão de Burity clicando no Brasão.
Meus livros são minha essência.

DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA.

DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA.
DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA - POR FAVOR, CLIQUE NO TÍTULO ABAIXO...
CRÉDITO DE IMAGENS
Algumas obtidas na internet e alteradas com programa de edição de imagem.

PARA MEDITAR...

"OS HOMENS PASSAM, A OBRA PERMANECE!"

"GARIMPANDO AMIZADES:
PERDI MUITOS DIAMANTES ENQUANTO OCUPADO GARIMPAVA NO MEIO DE FALSAS PEDRAS PRECIOSAS."

"NÃO ME IMPORTO COM O QUE OS OUTROS PENSAM DE MIM. IMPORTO-ME COM O QUE EU PENSO E COM O QUE FAÇO. EIS UMA DAS CARACTERÍSTICAS DO MEU CARÁTER."

"NINGUÉM É OBRIGADO A GOSTAR DE ALGUÉM, MAS EXISTE UMA COISA QUE SE CHAMA: RESPEITO!"
Nunca sabemos onde a vida nos levará. Tropeços e valores. Reviravoltas. Ficamos surpresos... Às vezes, no caminho um pensamento nos faz dizer: -"Este é o pior momento da minha vida". Mas quer saber ? No final do caminho, das diversidades mais difíceis, o que não nos mata - nos torna mais forte.
Agora as diversidades não importam. Eis o dilema! A vida é uma jornada e não um aleatório destino. Egresso da Baixada Fluminense... Ex-Marujo...
De bem com a vida - acordado e energizado - faço do escrever a minha terapia ocupacional.
Acima de tudo agradeço a Deus por tudo que tenho e sou. Não há como renegar as minhas origens. Quem renega as suas origens, nega a si mesmo.
Servir à Marinha:
Uma visão!
Um sonho!
Uma vida!


terça-feira, 28 de julho de 2009

VOCÊ SABIA?

POETRIX

Há quem defenda a opinião segundo a qual o que diferencia a poesia da prosa é o ritmo. Ainda assim, a poesia concreta despreza o ritmo; não seria ela, então, nem prosa nem poesia? O POETRIX insere-se no universo dos tercetos, possui padrão estrófico e rítmico. No espaço de três linhas surge o POETRIX aonde o que vem à tona é o conteúdo.

Não existem regras no POETRIX. No Manifesto Poetrix (Gomes, Goulart. Trix Poemetos Tropi-kais) foram identificadas algumas características principais, que contribuem para uma formatação, ainda não definitiva, ou seja: um terceto contemporâneo, de temática livre, com título, ritmo e um máximo de trinta sílabas, possuindo figuras de linguagem, de pensamento, tropos ou teor satírico.

O POETRIX tornar-se uma nova linguagem poética, que permite ao autor realizar altos voos num curto espaço, "desenganchar" o terceto, retirando-lhe as amarras, tornando-o contemporâneo. Com um título exercendo uma função completível, definindo-o ou sendo por ele definido.

O POETRIX pondera o Passado, Presente e Futuro como uma só dimensão, onde o TEMPO pode ser utilizado na adequação da dinâmica à velocidade da informação no ciberespaço em que vivemos. Um dos grandes enigmas da literatura brasileira tem sido: Onde termina (ou terminou) o Modernismo (M)? Um movimento considerado um divisor de águas. O livro "Os Cem Melhores Poetas Brasileiros do Século", tem a sua primeira parte intitulada "Pré-Modernismo", adotando o conceito de Alceu Amoroso Lima: "o que concede ao prefixo pré uma conotação meramente temporal de anterioridade". Nela estão reunidos poetas tão distintos quanto Machado de Assis! Estaria, a nossa literatura claramente dividida entre a.M e p.M? Mas o que aconteceu? Será que vivemos uma agradável "babel", onde todos se entendem. O conteúdo é forma que vem à tona... de qualquer forma! O Modernismo deu um tiro de misericórdia nas "escolas literárias" ou, como diria Raul Seixas, "faça o que tu queres pois é tudo da Lei".

O POETRIX é tipicamente modernista enquanto culturalmente antropofágico, deglutindo o que vem de fora, transformando-o em algo nosso ("é moderno ser moderno"). Melhor seria considerar o POETRIX como a busca por novas formas de expressão de criatividade ou, apenas um exercício do que preconizava o poeta gaúcho e mestre Mário Quintana (1906-1994): "Quem faz um poema abre uma janela."

No POETRIX o observador (autor), as personagens e o fato observado podem interagir, criando condições suprarrealistas ou ilógicas ("non sense").

Conceitos são bons até que surjam outros, melhores, que os substituam.