Sou mais um entre tantos...

Sou mais um entre tantos...
A FILOSOFIA E A MISSÃO DESTE BLOG INCLUI A DIFUSÃO DA CULTURA E A UTILIDADE PÚBLICA.

"Cada pessoa, por si só, promove a sua indispensável transformação interna, transmutando o pesado chumbo do seu emocional, no ouro reluzente da Evolução Mental."

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade
Fé Esperança Caridade - Virtudes chamadas teologais porque têm a Deus por objeto de modo imediato. Pela fé nós aderimos ao que Ele revelou; pela esperança tendemos a Deus apoiando-nos em seu socorro para chegar a possuí-Lo um dia e vê-Lo face a face; pela caridade amamos a Deus sobrenaturalmente mais do que a nós mesmos. A minha Fé não é achar que Deus fará o que eu quero, mas basea-se na certeza de que Ele fará por mim tudo o que preciso.

Verbete Wikipédia

Verbete Wikipédia
Verbete Wikipédia

O BRASÃO

O BRASÃO
Visite o blog do Barão de Burity clicando no Brasão.
Meus livros são minha essência.

ALGUNS LIVROS DE MINHA AUTORIA.

ALGUNS LIVROS DE MINHA AUTORIA.
ALGUNS LIVROS DE MINHA AUTORIA - DOWNLOAD? POR FAVOR, CLIQUE NO TÍTULO.
CRÉDITO DE IMAGENS
Algumas obtidas na internet e formatadas com programas "freeware".


As pessoas passam, as obra permanecem. Ninguém é obrigado a gostar de alguém, mas existe uma coisa que se chama: respeito. Nunca sabemos onde a vida nos levará. Tropeços... Valores... Reviravoltas... No final do caminho, as diversidades mais difíceis, não nos matam - nos tornam mais forte.
Estou de bem com a vida... Faço do escrever a minha terapia ocupacional.
Acima de tudo agradeço a Deus por tudo que tenho e sou. Não há como renegar as minhas origens.
Servir à Marinha:
Uma visão!
Um sonho!
Uma vida!



quarta-feira, 28 de setembro de 2011

terça-feira, 27 de setembro de 2011

ULTRAPASSANDO A BARREIRA DOS 70...

(Para melhor visualizar clique na figura.)

Bom dia!


Uma surpresa é boa... Duas é demais...

Obrigado pelos momentos diferenciados. A felicidade é feita de momentos.

Somente uma coisa não gostei. Por favor, arranjem outra desculpa para me tirar de casa. Entendam o coração de um septuagenário quanto a surpresas e choque térmico... Primeiro o carro sem gasolina... Depois o carro bateu... E vem o ato derradeiro: - Ao retornar do pseudo socorro, abrindo a porta do apat em que resido. Sou surpreendido por um externar de amizade e consideração que estão acima da minha capacidade de administrar no emocional. Lá estavam alguns amigos, capitaneados pela Elda (minha filha).

Olha o meu coração!!!!!!!!!!! rs rs rs rs

Obrigado!!!!!!!!!!!!!!!!! Valeu!!!!!!!!!!!!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

I INTERCÂMBIO CULTURAL...

Durante o I Intercâmbio Cultural - AMACLERJ x ALB-Mariana fui homenagenado com uma Placa de Mérito Cultural da Academia Infanto-Juvenil Marianense de Letras e respectivo Diploma  outorgado pela Academia de Letras do Brasil - Mariana - MG pela relevante atuação e contribuição à cultura mineira e brasileira.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

OUVIR O INAUDÍVEL...

- Ouvir o inaudível é ter a calma necessária para se tornar uma grande pessoa.

Apenas quando se aprende a ouvir o coração das pessoas, seus sentimentos mudos, seus medos não confessados e suas queixas silenciosas, uma pessoa pode inspirar confiança ao seu redor; entender o que esta errado e atender as reais necessidades de cada um.

O Final de uma relação começa quando as pessoas ouvem apenas as palavras pronunciadas pela boca, sem se atentarem no que vai no interior das pessoas para ouvir os seus sentimentos, desejos e opiniões reais.

É preciso, portanto, ouvir o lado inaudível das coisas, o lado não mensurado, mas que tem o seu valor, pois é o lado do ser humano...

sábado, 17 de setembro de 2011

PUBLICADO NO JORNAL NOVIDADES...

O jornal NOVIDADES com distribuição gratuita e dirigida no bairro do Méier e Grande Méier, na edição SETEMBRO 2011 Ano II Edição 27, publicou matéria abordando a outorga do PRÊMIO BARBOSA LIMA SOBRINHO DE JORNALISMO outorga pela Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (ALERJ) uma proposição de autoria do Deputado Estadual Gilberto Palmares pelo PL 1416/2010.
A outorga ocorreu no dia 22 de agosto pp, em Sessão Alusiva ao Dia do Maçom, realizada no Plenário da ALERJ.
◄↨↨↔­­­↨↨►

Matéria disponibilizada no site do Jornal Novidades em

Veja matéria inicial disponibilizada no dia 23 de agosto de 2011.



quinta-feira, 15 de setembro de 2011

NÃO TE IRRITES...



Não te irrites, por mais que te fizerem.
Estuda, a frio, o coração alheio.
Farás, assim, do mal que eles te querem,
Teu mais amável e sutil recreio.


Mário Quintana.

domingo, 11 de setembro de 2011

ACADEMIA DE VALPARAISO - CHILE

Agora estou no Chile. Qual a razão? Recebi o TÍTULO DE MEMBRO HONORÁRIO DA ACADEMIA DE LETRAS Y ARTES DE VALPARAISO - CHILE.

O convite


A Mesa Diretora

A outorga ocorreu nas dependências do Espaço 20 - Rua L Quadra 29 Lote 7 - Parque Burle - Cabo Frio - RJ, no dia 09 de setembro de 2011.



 
O Diploma.


Eu e Daise após a outorga.


Eu e a Presidente da ALAV - Delegação Brasil - Acad. Izabelle Valladares.
Naquela solenidadade desempenhei a função/encargo de mestre de cerimônias


quarta-feira, 7 de setembro de 2011

PALAVRAS PERTINENTES...

Recebi as palavras abaixo de um Grande Irmão, Amigo e Confrade. Mutatis mutantis será que existe alguma relação com a matéria anterior?

Quem acha que é melhor que os outros, deve ir ao cemitério,
e verá que o mundo é apenas um punhado de pó.

sábado, 3 de setembro de 2011

O TEMPO É O SENHOR DA RAZÃO.

Cheguei à conclusão que não estou me  bandeando para lá ou para acolá conforme dito alhures. Entendi tratar-se de uma atitude provocativa. Consequentemente, a minha resposta foi um disfarçado sorriso acompanhado  do silêncio.

Entretanto, posteriormente, meditando sobre o fato. Consultando o dicionário para certificar-me do significado do vocábulo BANDEAR. Encontrei:

Bandear -  1  Mudar de banda, de lado, de opinião, de partido. [ta.: O vereador ameaçou bandear (-se) para a oposição: A família bandeou (-se) para a periferia.] [int.: Quando se sentia ameaçado, bandeava (-se).]
  2  Agitar ou mover-se para uma e outra banda; balancear(-se), oscilar. [td.: bandear uma bandeira.] [int.: Sentiu-se tonto, bandeou e caiu.]
  3  Fazer pender, inclinar, cair para a banda, para o lado. [td.: O vendaval bandeou as árvores.]

v.td.
  1  Juntar(-se) em bando; ABANDAR(-SE); ABANDEAR(-SE): Bandeou comparsas para luta

Será que estou me bandeando. Claro que não! Mas, tendo que conviver com as pessoas invejosas e, principalmente, com aquelas que usando de argumentos/subterfúgios duvidosos tentam a mim imputar atitudes que estão longe da maneira com que  na vida procuro me posicionei: - Não me submeto a atitudes arbitrárias ou autoritárias. Cheguei à conclusão que o agente ao usar a palavra BANDEAR foi infeliz  no emprego do verbo, se visto de maneira vernácula. Se a ideia foi provocar-me para que eu tivesse uma reação explosiva. Lamento  ter decepcionado.

Hoje, mais do que ontem cheguei à conclusão de que cada um só dá aquilo que tem. Com isto não estou tentanto travestir de santinho ou tentando obter morada em redoma de vidro. Definitivamente, não vou gastar minhas forças  respondendo a todas as provocações e insinuações. Foi-se o tempo em que está era a minha tônica.
Portanto, xô! sandices... 
Independente do tempo, local ou espaço. Acredito que o tempo é o senhor da razão.

Deixando de lado a ironia, o tempo, também, destrói os mais fortes alicerces... Vejamos o que o tempo fez com tantos outros valores e costumes. Muito embora, sendo a favor da renovação e evolução; impossível deixar de admitir que em alguns pontos o tempo destrói o que é bom.

Oh! Tempo soturno cocheiro... 
Como tenho saudades do tempo do simples e descomplicado.
Tempo do temor a Deus.
 Tempo do respeito.
Tempo da família. 

Mesmo admitindo que o tempo seja o senhor da razão... o tempo por muitas vez é um carrasco.