Sou mais um entre tantos...

Sou mais um entre tantos...
#FocoForçaeFé
A FILOSOFIA E A MISSÃO DESTE BLOG INCLUI A DIFUSÃO DA CULTURA E A UTILIDADE PÚBLICA.

"Cada pessoa, por si só, promove a sua indispensável transformação interna, transmutando o pesado chumbo do seu emocional, no ouro reluzente da Evolução Mental."

"Considere como é difícil modificar a si mesmo e você entenderá quão pouca chance tem ao tentar modificar outras pessoas." - Jacob M. Braude

"Seja em você a mudança que quer para o mundo" - Ghandi´

Aos preconceituosos e aos piadistas, sugiro que olhem para si mesmos antes de julgarem os outros... Quem aponta um dedo para alguém, aponta três para si mesmo.


Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade
Fé Esperança Caridade - Virtudes chamadas teologais porque têm a Deus por objeto de modo imediato. Pela fé nós aderimos ao que Ele revelou; pela esperança tendemos a Deus apoiando-nos em seu socorro para chegar a possuí-Lo um dia e vê-Lo face a face; pela caridade amamos a Deus sobrenaturalmente mais do que a nós mesmos. A minha Fé não é achar que Deus fará o que eu quero, mas basea-se na certeza de que Ele fará por mim tudo o que preciso.

Fé Esperança Caridade

Fé Esperança Caridade

Verbete Wikipédia

Verbete Wikipédia
Verbete Wikipédia

O BRASÃO

O BRASÃO
Visite o blog do Barão de Burity clicando no Brasão.
Meus livros são minha essência.

DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA.

DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA.
DOWNLOAD LIVRO DE MINHA AUTORIA - POR FAVOR, CLIQUE NO TÍTULO ABAIXO...
CRÉDITO DE IMAGENS
Algumas obtidas na internet e alteradas com programa de edição de imagem.

PARA MEDITAR...

"OS HOMENS PASSAM, A OBRA PERMANECE!"

"GARIMPANDO AMIZADES:
PERDI MUITOS DIAMANTES ENQUANTO OCUPADO GARIMPAVA NO MEIO DE FALSAS PEDRAS PRECIOSAS."

"NÃO ME IMPORTO COM O QUE OS OUTROS PENSAM DE MIM. IMPORTO-ME COM O QUE EU PENSO E COM O QUE FAÇO. EIS UMA DAS CARACTERÍSTICAS DO MEU CARÁTER."

"NINGUÉM É OBRIGADO A GOSTAR DE ALGUÉM, MAS EXISTE UMA COISA QUE SE CHAMA: RESPEITO!"
Nunca sabemos onde a vida nos levará. Tropeços e valores. Reviravoltas. Ficamos surpresos... Às vezes, no caminho um pensamento nos faz dizer: -"Este é o pior momento da minha vida". Mas quer saber ? No final do caminho, das diversidades mais difíceis, o que não nos mata - nos torna mais forte.
Agora as diversidades não importam. Eis o dilema! A vida é uma jornada e não um aleatório destino. Egresso da Baixada Fluminense... Ex-Marujo...
De bem com a vida - acordado e energizado - faço do escrever a minha terapia ocupacional.
Acima de tudo agradeço a Deus por tudo que tenho e sou. Não há como renegar as minhas origens. Quem renega as suas origens, nega a si mesmo.
Servir à Marinha:
Uma visão!
Um sonho!
Uma vida!


quarta-feira, 7 de julho de 2010

A FÁBULA DO BURRO E DA CABRA.

A FABULA DO BURRO E DA CABRA (*)
Era uma vez um burro que caminhava por uma estrada. Ia a curtir sozinho, cantarolando e assobiando, acreditando que aquele caminho o levaria à felicidade que tanto desejava. A certa altura, o burro encontrou uma cabra que pastava na beira do caminho e que lhe perguntou:
- “Onde vais, burro?”
- “Vou em busca da minha felicidade”, respondeu ele.
- “Isso é fantástico!”, disse a cabra. “Achas que tu e eu poderíamos ir em busca da felicidade juntos?”
- “Acho que é capaz de ser uma boa ideia!”
E seguiram os dois pela estrada fora, alegremente, cantando e rindo.
O tempo foi passando e as coisas corriam tão bem entre eles que a cabra começou a fazer planos para o futuro de ambos. Falava do vestido que iria usar no seu casamento, dos filhos que iriam ter, da casa que iriam comprar. E o burro cada vez se apaixonava mais por aquela cabra, acreditando em tudo o que ela dizia. Tão iludido ficou com os sonhos e promessas de amor que ela fazia que nem se apercebeu que, a pouco e pouco, se iam desviando do caminho principal e rapidamente se perderam no meio do campo. Foi então que a cabra parou e disse:
- “Sabes burro, estou cansada. Cheguei à conclusão que estou farta de ti. Segue o teu caminho sozinho que eu vou procurar outro burro que me faça mais feliz. ”
E dizendo isto, partiu, deixando o burro na merda.
Só então o burro percebeu que, por causa da cabra, se tinha desviado do caminho da sua felicidade. Ainda hoje ele anda às voltas, tentando recuperar o tempo perdido e redescobrir a estrada por onde seguia quando conheceu aquela cabra que lhe estragou a vida e lhe partiu o coração.
Moral da história: Escolhe bem a tua companheira de viagem! Não deixes que nenhuma cabra te desvie do teu caminho com promessas de amor e sonhos de felicidade! Basta que ela encontre outro burro que tenha uma carroça melhor do que a tua e, quando deres por ti, estarás sozinho e infeliz!